gás cozinha sobe segunda vez
ECONOMIA

Após Guedes prometer botijão pela metade do preço, gás de cozinha sobe pela segunda vez

Gás de cozinha sobe pela segunda vez. A Petrobras vai reajustar o preço do gás liquefeito de petróleo (GLP) em suas refinarias e bases a partir desta sexta-feira (27), informa o jornal O Globo.

Segundo a publicação, o reajuste é válido para todos os tipos de GLP, desde o gás de cozinha nos botijões de 13 quilos até o industrial e comercial, vendidos em vasilhames de 20 kg, 45 kg e acima de 90 kg, incluindo a granel.

gás cozinha sobe segunda vez
Foto: google imagens

Os preços do GLP, como dos demais derivados são livres. Mas, segundo um técnico do setor, considerando que a matéria-prima representa cerca de 54% do preço final do produto, o impacto final aos consumidores pode variar entre 2% a 3%, desde que seja feito apenas o repasse do aumento dos preços nas refinarias da Petrobras.

De acordo com cálculo de um especialista do mercado, o GLP residencial vendido em botijões de 13kg teve, de janeiro até agora, um reajuste médio de 10% nas refinarias da Petrobras.

Já o GLP vendido para indústria e comércio, que até novembro tinha preços diferenciados do gás de botijão, registrou uma redução média da ordem de 10% no ano nas refinarias.

Em maio desta ano o ministro Paulo Guedes da economia prometeu redução do preço do botijão em 50% em até dois anos.

A declaração ocorreu enquanto o ministro citava que era preciso derrubar o monopólio em todos os setores durante a XXII Marcha a Brasília e Defesa dos Municípios, no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB).

Guedes também criticou a Petrobras por ser a única que controla o petróleo no Brasil e, mesmo assim, ter “quebrado” nos últimos anos. “Daqui a dois anos, o botijão de gás vai chegar pela metade do preço à casa do trabalhador brasileiro”, prometeu Guedes.

Editado por Mídia Bahia com informações do Bahia.Ba.

Fonte: Mídia Bahia

Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.